Tempo de qualidade

Depois de uns bons dias sem escrever por aqui, eis que surge um tempo e ótima previsão de estabelecer uma regularidade nos posts.

Com essa minha temporada de licença maternidade, ando fazendo coisas das quais sempre tive muita vontade, dentre elas levar meus filhos à escola.

Engraçado, porque acalento esse desejo desde sempre! Acho que assim,nós pais, participamos mais ativamente da vida dos nossos filhos, damos mais segurança a eles e de quebra, podemos olhar nos olhos da professora dele e ver  o comportamento dela com as crianças  da turma..

Engraçado é que, quando eu morava no Rio de Janeiro , essa era uma realidade bem distante em função da distância do trabalho e o trânsito infernal, mas estando em uma cidade pequena, não só posso fazer como sinto prazer e muita alegria em levar o João Pedro.

Mas pelo que ando vendo aqui em João Pessoa, só eu quem curte 🙂

Pais e mães cometendo absurdos no trânsito em nome da pressa e arriscando a vida de seus filhos.

Ontem, um policial chamou a atenção de uma mãe com a filha de aproximadamente 4 anos na garupa de uma mota, na calçada, isso mesmo, na calçada da escola.

O policial estava levando a filha e reclamou que calçada é lugar de pedestre. A mãe respondeu que não tinha onde parar.

ABSURDO !

Diariamente, vejo pais que quase param o carro DENTRO da escola e não se dão nem ao trabalho de descer do carro e levar seu filho no portão. Abre a porta do carro, no meio da rua se valendo que o trânsito está parado, e despacha a criança dali mesmo.

Não atribuo isso a falta de tempo, pressa pelo horário de almoço ou qualquer coisa parecida.

Atribuo a falta de compromisso com seu próprio filho. Há quem possa me achar radical, mas já marquei no relógio o tempo que levo para estacionar, descer meu filho e levá-lo na entrada : 5 minutos.

Fazer barbeiragens e arriscar a vida do próprio filho em função do quê ?

Acho triste.

Falta de educação e crianças colocadas em risco.

Vamos rever esses conceitos de tempo com nossos filhos.

Só para constar : Meu filho estuda na Escola Vida, no bairro Jardim Cidade Universitária em João Pessoa.

Ás vezes 30 minutos produtivos, valem mais que 24 horas inúteis.

Até breve !

101224341